Primeira Jornada Interna ICF

 

Editorial – 

Desde que surgiu, apenas como uma ideia, em um bate-papo entre amigas até a realização de nossa Primeira Jornada, um ano e tanto se passou… É com muita alegria que, agora, passado o evento, organizado com dedicação e carinho, publicamos uma edição especial do Caderno de Ideias, com a colaboração especial do amigo Eduardo Rodrigues Peyon. Agradecemos particularmente aos colegas que participaram com suas experiências, dando voz e forma a mais um bom encontro no ICF!
Vera Perestrello, Márcia Maron, Isabela Pecego, Luciana Ferraz e Elizabeth Portella

aviso covid

 

 

 

 

 

 

por Eduardo Rodrigues Peyon 

20200302_194253

Eduardo Peyon

No dia 06/12/2019, realizamos a I Jornada Interna do Instituto Cultural Freud. O evento teve duas mesas, cada uma delas com a apresentação de 3 trabalhos. Todos eles eminentemente clínicos, refletindo a vocação dos Grupos de Reflexão, que se caracterizam pelo diálogo sobre a clínica e suas interfaces, seja mais especificamente com a teoria e a prática psicanalíticas, seja com outros campos do saber e da Cultura. À Jornada, sucedeu nossa confraternização de final de ano, com muita alegria, entusiasmo e a promessa de um novo ano de muito trabalho e reflexão. É importante enaltecer e registrar os frutos desta
I Jornada Interna
, pois o debate acerca de um ofício, por seus operadores, entre pares, é um processo extremamente rico que possibilita tanto aos apresentadores como aqueles que escutam, perguntam, criticam e comentam, um reverberar do pensamento. Além disso, mostrar seu trabalho em público, em qualquer profissão, é um ato de coragem, pois aquele que apresenta sua forma de trabalhar revela aos outros o seu modo de manejar uma técnica, um método, uma ferramenta. Ao mostrar a seus pares sua práxis, o profissional se expõe ao que Christophe Dejours nomeia de Julgamentos de Utilidade e Estético. O primeiro é o julgamento acerca da eficácia de um trabalho, ou seja, sobre seus resultados; o segundo deles, é o julgamento da qualidade técnica de um trabalho, sua beleza, sua forma. É importante sublinhar que são sempre os pares de profissão, sujeitos a um real do trabalho semelhante, enfrentando também impasses e dificuldades, que podem efetivamente fazer estes julgamentos e reconhecer a qualidade de um trabalho realizado e apresentado por um colega de profissão.

No caso da atividade clínica, considerando-se o estilo singular de cada terapeuta e o encontro único que forma o par terapeuta-paciente, esta exposição é ainda mais delicada e sútil do que em outras profissões. As réguas para mensurar a eficácia e a beleza de uma análise não são tão matemáticas ou tão pragmáticas como em outras profissões. Deste modo, uma Jornada que se configura como eminentemente clínica nos conduz sempre a uma profunda reflexão sobre nossa atividade, seus fundamentos e causas, sua direção e seus fins. Certamente, todos que tiveram coragem de escutar e refletir sobre os trabalhos apresentados, alinhando-se ao esforço empreendido pelos apresentadores, puderam refletir sobre sua clínica e os temas sempre intrigantes do manejo da transferência, do inconsciente, dos limites à significação e da psicanálise em instituições e grupos, entre outros, que nos tocaram profundamente nesta I Jornada do ICF

Resta-nos parabenizar os organizadores da Jornada, os colegas que expuseram sua prática com louvor e a todos que vieram debater e reverberar este trabalho ao qual nos dedicamos. Foram plantadas com carinho as sementes para as próximas Jornadas do ICF. Seguimos!

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s